PIB/Indicadores/Cenários

To prevent automated spam submissions leave this field empty.
  • Crescimento brasileiro no 1º tri foi muito influenciado pelo quadro externo favorável, o qual não deve se manter nos próximos trimestres, pois a desaceleração esperada para a economia mundial também deve ser expressiva.

    Após...

  • Queda das chuvas e fim do ciclo de commodities podem explicar recuo da tendência de crescimento da economia. Mas não explicam a perda permanente de 10,5% no nível da economia que houve após nossa grande crise.

    Na minha coluna...

  • As crises de 2008/09 e de 2020 não representaram os únicos eventos exógenos desfavoráveis ao crescimento do PIB brasileiro na última década. Há também o colapso das commodities (2012-16) e a estiagem crônica em 2012-21.

    Meu...

  • Momento global é de inflação e juros em rota de elevação nas principais economias. No Brasil, a pressão inflacionária segue firme, com sinais recentes mais animadores de atividade. Mas o Ibre vê desaceleração doméstica mais intensa no 2º tri, com alta...

  • Atividade econômica mundial entra em nova fase, caracterizada por desaceleração mais intensa. A inflação não tem dado trégua, no mundo e no Brasil. Domesticamente, mesmo com melhora das contas públicas de curto prazo, perspectivas de médio prazo...

Páginas