Janaína Feijó

Recuperação do mercado de trabalho nas regiões brasileiras ainda desperta preocupação

Após dois anos do pico da pandemia, regiões brasileiras retornaram aos níveis pré-pandemia no mercado de trabalho, mas com destaque para o emprego informal. Taxa de desemprego teve forte queda, mas ainda permanece na casa de dois dígitos na regiões Norte, Nordeste e Sudeste.

Percepção das empresas sobre o home office no período da pandemia

Desde o início da pandemia, muitas empresas precisaram adotar o home office para manter suas atividades em funcionamento. Em quesitos aplicados nas sondagens do FGV IBRE, as empresas relataram sua percepção sobre adoção do home office, produtividade e expectativas de adoção após o final da pandemia.

Ocupações em ascensão e em declínio no Brasil

As ocupações que mais têm crescido no Brasil nos últimos anos são as relacionadas aos serviços, tais como “outros vendedores” (16,3% a.a.) e “vendedores de rua e postos de mercado” (11% a.a.). Embora “dirigentes de TI” e “especialistas em base de dados” estejam entre as dez que mais cresceram, ainda temos uma parcela muito pequena de trabalhadores em ocupações de TI.

Subscrever RSS - Janaína Feijó